Notícias
sexta, 19 de novembro / 2021

Oferta atual, com inscrições já abertas, inclui opções presenciais e online 

Estão abertas as inscrições para os cursos de pós-graduação lato sensu da PUC Minas Poços de Caldas, com formação de novas turmas para ingresso no primeiro semestre de 2022. A oferta atual totaliza 25 cursos em modalidade presencial ou online, distribuídas em cinco áreas temáticas: Arquitetura, Direito, Engenharia/Tecnologia da Informação, Humanas/Sociais e Saúde Humana. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas no endereço: pos.pucpcaldas.br

Podem participar profissionais graduados que tenham interesse em obter uma especialização e atendam aos pré-requisitos de cada curso, descritos no site. Algumas opções são abertas a pessoas com formação superior em qualquer área, enquanto outras são direcionadas a pessoas atuantes em determinados segmentos. Em todas elas, as atividades são conduzidas por professores com titulação de doutores, mestres ou especialistas, inseridos no mercado e atentos às principais tendências. 

As aulas devem se iniciar a partir de março de 2022. Após um período de adoção exclusiva do regime remoto, em decorrência da pandemia de Covid-19, 11 dos novos cursos serão oferecidos na modalidade presencial. Para quem prefere a comodidade de estudar em casa, há 14 opções de pós-graduação online, com aulas ao vivo e o mesmo padrão de qualidade das dinâmicas presenciais. 

Os cursos têm duração máxima de dois anos e mensalidades a partir de R$ 345,00, com parcelamento em 24 vezes, podendo se estender até 30 parcelas em alguns casos. Informações como estrutura curricular, número de vagas, carga horária, investimento e políticas de desconto, entre outras questões, estão detalhadas na página de pós-graduação, dentro do site da Universidade. 

Confira a lista de cursos de pós-graduação lato sensu oferecidos pela PUC Minas Poços de Caldas no semestre 1º/2022: 

Modalidade presencial: 

  • Direito: Direito Penal e Processo Penal; Direito Privado; Direito Social – Trabalho e Previdência. 
  • Engenharia e Tecnologia da Informação: Ciência de Dados Aplicada; Eficiência Energética; Engenharia de Estruturas; Master Engineer in Lean Manufacturing. 
  • Humanas e Sociais: Avaliação Psicológica; Psicopedagogia.
  • Saúde Humana: Cuidados de Enfermagem em Alta Complexidade; Neuropsicologia. 

Modalidade online: 

  • Arquitetura: Arquitetura e Saúde - Meio Ambiente como Espaço Terapêutico; Patrimônio e Restauro. 
  • Direito: Direito Penal e Processo Penal; Direito Social – Trabalho e Previdência. 
  • Engenharia e Tecnologia da Informação: Ciência de Dados e Aprendizado de Máquina; Engenharia e Energia; Gestão de Edificações e de Espaços Urbanos; Master Engineer in Lean Manufacturing; Projeto de Estruturas de Concreto e Fundações para Edifícios. 
  • Humanas e Sociais: Comunicação Organizacional e Branding; Psicopedagogia. 
  • Saúde Humana: Fisioterapia na Saúde da Mulher; Gerontologia; Gestão em Enfermagem. 

Eventuais atualizações serão informadas no site pos.pucpcaldas.br

...

segunda, 08 de novembro / 2021

Autoridades, pesquisadores e apoiadores prestigiaram evento realizado no Campus neste sábado (6)

Já está disponível para uso gratuito dos moradores e turistas de Poços de Caldas o eletroposto de recarga semi-rápida instalado no Campus da PUC Minas na cidade. A novidade foi apresentada na manhã do último sábado, 6 de novembro, aniversário do município, em um evento que reuniu na Universidade representantes das instituições parceiras no projeto de mobilidade elétrica Poços + Inteligente: PUC Minas, DME, IF Sul de Minas e Prefeitura Municipal. A iniciativa é pioneira na região e integra o programa de P&D (Pesquisa e Desenvolvimento) da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel). 

O ponto de recarga de veículos elétricos do Campus se soma a outros dois eletropostos viabilizados por meio do projeto: um de recarga rápida, localizado na região central de Poços de Caldas, em frente à antiga estação ferroviária da Fepasa, e outro na sede da DME. A estrutura construída na PUC Minas se diferencia ao utilizar energia solar, que minimiza impactos ambientais por ser renovável. Placas fotovoltaicas instaladas no local carregam baterias que podem funcionar como fonte alternativa ou primária de energia, dependendo da necessidade.